Promoção Aéreas » Pontos turísticos » Como evitar que os vendedores ambulantes cobrem mais por eu ser turista?

Como evitar que os vendedores ambulantes cobrem mais por eu ser turista?

Quer aprender truques incríveis para não cair na conversa dos vendedores ambulantes? Então clique agora mesmo nessa matéria!

Assim que surge uma folguinha na agenda, milhares de pessoas buscam destinos turísticos para visitar. Essa prática está se tornando uma excelente válvula de escape para quem possui uma rotina estressante de trabalho e estudos e precisa se distrair ou como dizem por aí: “esfriar um pouco a cabeça”.

Um dos pontos primordiais nesse processo é manter uma programação de todo o roteiro de viagem, para assim conseguir melhores preços em relação a serviços e produtos, como hospedagem, alimentação, entretenimento e compras.

Outra particularidade importante a se destacar são as pesquisas de informações dos destinos, principalmente quando se trata de viagens para o exterior, porque o comércio funciona de uma maneira um pouco distinta da do Brasil. É essencial ficar atento as opções de pagamento e as pequenas “armadilhas” que podem ser encontradas no caminho.

Os vendedores ambulantes conhecem bem as características dos turistas e por isso, os identificam com facilidade. Por saberem que eles não possuem muita noção dos preços cobrados no local, ganham porcentagens abusivas suas vendas, enganado-os no momento das compras.

É incrível o poder de persuasão que os vendedores de rua detém e como são “bons de lábia”, por esses motivos, é muito comum que os visitantes paguem mais sem ao menos perceber. Se você não quer passar por isso, confira as dicas do portal e preste bastante atenção antes de fazer qualquer negociação.

Como evitar que os vendedores ambulantes cobrem mais por eu ser turista?

Vendedor ambulante.
(Foto: Reprodução)

Prefira pedir informações nos hotéis ou em estabelecimentos confiáveis do que para os comerciantes de rua.

Se precisar de transporte privado, opte pelos indicados pela rede de hospedagem ou os táxis recomendados por ela.

Não aceite ajuda de desconhecidos fora do hotel para carregar suas bagagens e sacolas.

Não feche pacotes de passeio com vendedores ambulantes. As redes hoteleiras também costumam prestar essa assessoria, mas caso não faça, tente entrar com uma agência de turismo local.

Caso os preços não estiverem bem claros na conversa do vendedor ou em alguma parte do estabelecimento, procure outro local para realizar a atividade que deseja.

Confira todas as notas de troco se o pagamento for realizado em moeda local, as notas falsas costumam ser passadas constantemente pelos comerciantes ambulantes e em pequenas lojinhas.

Se o pagamento for efetuado em cartão de crédito, observe os valores que serão digitados para que não tenha nenhum acréscimo.

Tente ignorar todos os vendedores ambulantes e artistas de rua que tentarem se aproximar. Não seja mal educado, apenas continue andando e agradeça, negando a oferta.

Receba promoções em primeira mão.

Outras Dicas:


Comentários para: Como evitar que os vendedores ambulantes cobrem mais por eu ser turista?



Google+